Sitramico | CPRM | Negociação Salarial
SITRAMICO - RJ
Sindicato dos Trabalhadores no Comercio de Minérios
e Derivados de Petróleo do Estado do Rio de Janeiro.
Centro 21-3231-2700  Caxias 21-2671-1423  WhatsApp 21-97564-6104 / 99457-9131  Email:faleconosco@sitramico-rj.org.br
quarta-feira, 15/07/2020 - 14:23

CPRM | Negociação Salarial

Na última segunda-feira, 13 de julho, a Intersindical CPRM realizou a primeira reunião de negociação com a empresa para celebração do ACT 2020-2021. Na pauta unificada de reivindicações dos trabalhadores, há solicitação de recomposição do poder de compra dos salários e dos benefícios econômicos por meio de reajuste em percentual idêntico ao IPCA acumulado no período, sem que haja pedido de ganho real.  Algumas cláusulas novas, tais como incentivo à educação continuada e proteção à demissão sem justa causa, foram incluídas na pauta, por deliberação dos trabalhadores, embora na essência a pauta seja a quase reprodução do ACT atual.

Apesar dos esforços empreendidos pelos trabalhadores e pelos sindicatos para apresentar uma proposta condizente com a conjuntura, a resposta da empresa foi absolutamente incompatível com as dificuldades enfrentadas por todos e todas como decorrência da crise provocada pela disseminação do coronavírus. Como contraproposta, a CPRM ofereceu:

a) reajuste zero dos salários e benefícios;
b) alteração da cláusula relativa à assistência médica para retirada da extensão do benefício a mães sob dependência econômica dos titulares, em pleno curso da pandemia;
c) calteração da cláusula sobre seguro de vida, sob alegação de que é preciso garantir o seu caráter facultativo, também em pleno momento de pandemia;
d) retirada da cláusula relativa a promoções e progressões definitivamente do ACT, tendo sido ainda comunicado que a pretensão é que as promoções/progressões não sejam aplicadas este ano. 
Além disso, a empresa rejeitou praticamente todas as alterações de redação sugeridas pelos trabalhadores, bem como as cláusulas novas constantes da pauta, ainda que elas não tenham qualquer impacto econômico.

Diante de tal cenário, completamente distante do empenho dos trabalhadores para manutenção da qualidade do trabalho da CPRM em momento tão adverso, os sindicatos rejeitaram enfaticamente a proposta da empresa. A expectativa da Intersindical é que, diante dessa negativa, a empresa retome o processo negocial efetivamente disposta a dialogar e negociar.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *